Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui: Início Notícias
Sinasefe vai realizar sua 100ª PLENA nos dias 17 e 18 de junho

Presença das seções garantirá ações em toda nossa base

O Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (SINASEFE) vai realizar, nos dias 17 e 18 de junho, em Brasília, a sua centésima PLENA. O evento acontecerá logo após a paralisação de 48 horas na rede federal de ensino, aprovada na última plenária do sindicato, e será um momento importante para que as bases façam um balanço das atividades realizadas no último período e suas perspectivas para a greve.

Além da construção da greve, pontos como a recomposição da Comissão Nacional de Supervisão da Carreira dos TAE (CNS); a escolha da Comissão da Carreira Docente; encaminhamentos do GT Carreira e do IV Encontro SINASEFE dos Servidores das Instituições Militares; e Sindportal, também estão previstos na pauta de debates.

 

Clique para ler a convocatória

 

O hotel onde será realizada a 100ª PLENA é o San Marco, localizado no Setor Hoteleiro Sul, Quadra 05, Bloco “C”, telefone: (61) 2103-8484, fax: (61) 2103-8400. Ao fazer a reserva o (a) filiado (a) deverá citaro nome do SINASEFE.

 

Sobre a PLENA

A PLENA - Plenária Nacional é a segunda instância de decisão do SINASEFE, inferior apenas ao CONSINASEFE, e foi criada no 3° CONSINASEFE, realizado em Aracaju, em 1992, quando era chamada de Conselho de Representantes Sindicais (CRS). A partir de 1993, passa a ser chamada de PLENA. De acordo com o estatuto em vigor, podem convocar a PLENA: a Coordenação Geral, por deliberação da maioria dos seus integrantes; a Direção Nacional, por deliberação da maioria simples dos seus integrantes; o Conselho Fiscal, por deliberação da unanimidade dos seus integrantes; um terço (1/3) das Seções Sindicais em dia com suas obrigações estatutárias; e um quinto (1/5) dos sindicalizados(a) em dia com as suas obrigações estatutárias.