Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui: Início Notícias
Fórum das Entidades dos SPF encaminha pauta de reivindicações para o Dia de Paralisação Nacional convocando mobilizações estaduais

A divulgação da Campanha Salarial Unificada 2013 bem como as reivindicações do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fórum dos SPF) deve ser intensificada em cada estado, segundo reunião desta quarta-feira (03), em Brasília-DF. O grupo encaminhou também que as oito centrais sindicais compreendam na pauta unificada do Dia de Paralisação Nacional (marcado para 11 de julho) as reivindicações dos SPF.

alt

Na semana passada, o Sinasefe Nacional convocou as bases a incluírem a paralisação dos trabalhos em suas agendas por todo o Brasil, no próximo dia 11, seguindo encaminhamento do Fórum dos SPF. Desde então, assembleias estão sendo realizadas nas quais os comunicados apresentam resultados favoráveis à adesão do referido Ato, segundo explicou o coordenador geral Shilton Roque. Entretanto alguns apontamentos mais específicos, como a antecipação salarial das parcelas relativas aos 15,8% assegurados pelo governo, serão melhor avaliados de acordo com o resultado de todas as assembleias realizadas. Os dirigentes nacionais, Eugênia Martins e Eulálio Costa, também estiveram presentes representando o Sinasefe.

A ausência de resposta, por parte do governo, com relação à mobilização dos SPF e a pauta de reivindicações protocolada desde o início deste ano foi amplamente questionada pelos participantes e para tanto, outro documento será encaminhado ao Ministério do Planejamento e Gestão – MPOG para solicitar marcação de audiência. "Pressionaremos outra vez até que Miriam Belchior nos receba e para isso é preciso ter articulação fortalecida dos trabalhadores aqui em Brasília", ressaltou Paulo Barela, representante da CSP-Conlutas.

 

Oito Centrais Sindicais unificam pautas em 11 de julho

A necessidade de se chegar a soluções diante de tantas demandas que há muitos anos é exigida pela classe sindical deflagrou no âmago de cada cidadão, que foi às ruas contagiado pela busca de resultados para tantos problemas. Também nesta quarta-feira, as oito maiores centrais sindicais brasileiras (CSP-Conlutas, CTB, UGT, CGTB, CSB, CUT, Força Sindical e NCST) se reuniram novamente e entregaram à Câmara dos Deputados a pauta de reivindicações unificada. Henrique Eduardo Alves, presidente da Casa se comprometeu a retirar da pauta o PL 4330/04, não acatar o regime de urgência do PLP 92/07 e inserir o Fator Previdenciário na pauta do Congresso.

Para que a mobilização popular não se perca, a orientação do Fórum dos SPF é que se organizem passeatas, encontros, manifestos, paralisações e até greves, a partir da coordenação das entidades de base (de âmbito municipal até estadual) para o dia 11 de julho.

É preciso manter o estado de mobilização para que o clamor do povo continue a impulsionar reuniões e audiências extraordinárias no Congresso Nacional, no Poder Executivo, entre os governadores e prefeitos, buscando encontrar saídas às problemáticas dos protestos. Em um momento em que várias categorias se aparelham contra os ataques do governo, nenhum setor que hoje se encontra desprovido pode perder esta oportunidade. O conhecimento prático e estratégico das entidades sindicais deverá ser repassados a iniciativa popular, adicionando forças e coagindo resultados satisfatórios.

 

Após negar diversas vezes lutas sindicais, Proifes quer assinar Mandado de Injunção

Outro tema tratado na ocasião foi quanto ao Mandado de Injunção nº 880 do Supremo Tribunal Federal – STF que garante a contagem especial de tempo de serviço em atividade insalubre, perigosa ou penosa e na aposentadoria especial. O documento produzido com a colaboração do Sinasefe, Condsef, Andes e Fenasps, em que, após sua finalização o Proifes solicita assinatura em conjunto. Após longo debate, foi consenso do grupo que se houver real interesse da referida entidade na causa, que a mesma solicite presencialmente na próxima reunião do Fórum dos SPF, diante da sua ausência nas reuniões do Fòrum e negativas na participação nas últimas lutas encampadas por este.

Os presentes relataram a ausência do Proifes em todos processos e atividades de iniciativa sindical, em que se absteve de se indispor com a bancada governista por inúmeras vezes ao negar sua participação.