Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui: Início Notícias
Parabéns, Professor! Hoje o Sinasefe comemora a defesa de seus direitos

A segunda-feira (15), o começo da semana é marcada pelo Dia dos Professores, estes que iniciam, encaminham e avaliam a educação do cidadão, através de princípios metodológicos e didáticos. O Sinasefe Nacional comemora junto aos docentes e TAEs da educação básica esta data com homenagem histórica sobre a data comemorativa.

Responsável por desenvolver intelectualmente o indivíduo com o ensino disciplinar, difusores de conhecimento em sala de aula, os professores adquiriram papel de auxiliar crianças e jovens a desenvolver habilidades profissionais e éticas.

No Antigo Egito, as habilidades como a de escriba já eram ensinadas, asseguradas pela constituição de escolas reais, no intuito de preservar a técnica. Já em Atenas cada tipo de conhecimento era delegado a um tipo de tutor ou professor, a partir de pagamento, por divisão de três tipos de ensino: os que cuidavam do desenvolvimento intelectual; os responsáveis pelo repasse da escrita e da leitura; e os que cuidavam do aprimoramento físico.

Brasil

Em 1827 D. Pedro I decretou que todas as vilas e cidades do país tivessem a “Escola Elementar do Brasil”. D. Pedro, na qualidade de imperador determinou que as escolas ensinassem a ler, escrever e a matemática básica. O conhecimento era dividido em por sexo: garotos estudavam geometria e garotas aprendiam tarefas de casa. O decreto determinava ainda que aprendessem também sobre descentralização do ensino e até sobre como era o processo para contratação dos professores e seus salários, porém não foi seguido à frente.

O ensino era monopolizado pelo Clero no Brasil, até que o Marquês de Pombal expulsou os jesuítas da colônia, designando a educação às instituições de ensino seguirem as deliberações pedagógicas da Coroa Real, bem como quem seria apto a educar. Somente em 1835 que foi criada a primeira escola de educadores na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro para orientar os docentes.

Em 1950 um professor de escola de São Paulo, definiu a data de 15 de outubro para discutir dificuldades, planejar aulas e como momento de descontração e lazer. Salomão Becker, em seu discurso no dia, ratificou a ideia de que "Professor é profissão. Educador é missão" e definiu que a data fosse comemorada anualmente.

Diversos municípios e estados começaram a aderir à data, que foi finalmente oficializada pelo Decreto Federal nº 52.682/63 em 14 de outubro de 1963. Foi instituído o dia 15 de outubro como feriado escolar: “Para comemorar condignamente o Dia de Professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias”.

Dia Mundial do Professor

No último dia 5 de outubro foi comemorado o Dia Mundial do Professor, com o tema: "Apoia os teus professores” e destacou a necessidade primária de mais educadores para o mundo: cerca de 1,7 milhões de professores até 2015. Foram estimulados as bandeiras que o Sinasefe defende com lutas e longos debates, como a melhora da qualidade do ensino e da aprendizagem.

Que os professores comemorem esta segunda-feira de feriado nacional, vislumbrando que a melhoria das condições de serviços prestados, bem como a valorização de seu trabalho essencial à sociedade, ao passo que o Sinasefe Nacional representa-os e está aberto às reivindicações denuncias de injustiças com a categoria.