Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui: Início Notícias
SINASEFE protesta contra o descaso do governo com os servidores públicos federais

Marcada com bastante antecedência, a reunião do fórum de entidades representativas dos SPF’s com o governo, foi adiada por 12 horas sem qualquer justificativa. No novo horário, após esperar por mais de duas horas uma reunião dos interlocutores do governo com a ministra do Planejamento, os representantes dos trabalhadores foram comunicados que, em função das discussões entre parlamentares, ministra e interlocutores do governo, a mesa de negociação seria adiada para o dia seguinte, às 10 horas da manhã.

Apesar de toda inquietação dos representantes dos trabalhadores, a notícia veio com uma dose de esperança: esses sucessivos adiamentos por parte do governo é porque seria apresentada uma contraproposta aos servidores?

Para a decepção de todos, logo na abertura da mesa de negociação o governo reafirmou sua disposição em não apresentar nenhuma contraproposta aos trabalhadores e reafirmou seu calendário de 31 de julho como data de apresentação de resposta às reivindicações dos trabalhadores.

O SINASEFE registrou seu descontentamento com o governo, deixando claro que essa atitude levaria aos trabalhadores a necessidade de construir um movimento que demonstrasse ao governo a sua insatisfação.

Várias entidades seguiram na mesma linha e, apesar de toda demonstração por parte dos representantes dos trabalhadores em flexibilizar suas reivindicações, o governo manteve-se intransigente.

A avaliação dos representantes dos trabalhadores é que não nos cabe outra opção a não ser preparar nossas bases para a luta. Portanto, fortalecer a MARCHA DOS SPF’s, marcada para o dia 5/6/12, e a GREVE GERAL dos SPF’s é a grande tarefa que temos pela frente.

O setor da educação federal já deu claro sinal de que existe uma GREVE sendo construída e que espera do governo federal a devida responsabilidade para dialogar com os trabalhadores na busca de uma solução.

Ao SINASEFE fica posta a tarefa de construir uma grande participação da sua base na MARCHA dos SPF’s e de realizar uma importante PLENA que delibere pela sua participação na GREVE GERAL.