Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui: Início Notícias
Tradutores e intérpretes de Libras lançam Carta-Denúncia sobre ilegalidades nas contratações das IFE
Publicado por Mário Júnior - Sex, 19 maio 2017 10:49
O grupo de discussão que congrega 256 tradutores e intérpretes de Língua Brasileira de Sinais (Libras) atuantes nas mais de 75 Instituições Federais de Ensino (IFE) lançou uma Carta-Denúncia sobre contratações ilegais de trabalhadores que estariam em curso nas IFE.
O documento foi publicado nas redes sociais e sites; e também foi protocolado junto ao MPF, Secadi/MEC, SNPDP, Conselhos Estaduais dos direitos das PcD e Comissão dos direitos das PcD na Câmara Federal, para que estes órgãos competentes e o público em geral tomem conhecimento acerca das ilegalidades quanto a forma arbitrária e equivocada de contratações temporárias de profissionais fora do perfil de tradutores e intérpretes.
Haja vista que a abertura de seleções, como no IFMT (Edital 35/2017 IFMT) segue orientação da Portaria Interministerial nº 102 de 20 de abril de 2017, a qual contraria a legislação vigente, a Carta-Denúncia vem corroborar com uma Nota de Repúdio à Portaria, que foi recentemente aprovada na Conferência Nacional da Libras (Conali) nos dias 24, 25 e 26 de abril de 2017, apoiada e divulgada pela Febrapils e Feneis, representações legítimas da Comunidade Surda no Brasil.
Confira aqui o documento na íntegra.
Última atualização em Sex, 19 maio 2017 16:21