Sindicato Nacional dos Servidores Federais
da Educação Básica, Profissional e Tecnológica


Representante dos docentes e técnico-administrativos da Rede Federal de
Educação Profissional, Científica e Tecnológica
Filiação:



Você está aqui:
SINASEFE se reuniu com MEC e antecipou cobrança contra iminência de golpe no IF Baiano
Publicado por Mário Júnior - Sáb, 18 jan. 2014 16:15

alt

Na última terça-feira (14), o SINASEFE NACIONAL, representado por seus Coordenadores Gerais Silvio Rotter e William Carvalho, se reuniu com o Diretor de Desenvolvimento da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Aléssio Trindade. Na reunião foram expostas nossas posições e cobradas soluções por parte do Ministério acerca de problemas que relatamos por intermédio de ofícios e documentos anteriormente enviados.

Constam como destaques da pauta tratada:

  1. A possibilidade de golpe contra a escolha da comunidade acadêmica do novo Reitor do Instituto Federal Baiano (IF Baiano), sobre a qual nos antecipamos antes mesmo da deliberação equivocada tomada pelo Conselho Superior (CONSUP) que aconteceria horas depois. Tratamos o caso como prioridade, dada a crise que estava por se estabelecer, e cobramos do MEC uma posição intervencionista que evitasse o golpe. No dia seguinte, após a consumação do problema, uma nova reunião repautaria o caso.
  2. A equipe de avaliação a ser encaminhada para apurar as denúncias de abusos existentes no Instituto Federal do Acre (IFAC).
  3. O resultado sobre os supostos desvios do Instituto Federal de Sergipe (IFS).
  4. A problemática acerca das eleições no Instituto Federal do Pará (IFPA).
  5. A possibilidade de transposição da Escola Tenente Rêgo Barros (ETRB), de Belém/PA, atualmente vinculada ao Comando da Aeronáutica, à Rede Federal de Educação do MEC.

Firmamos com o Ministério nossas pontuações e aguardamos, agora, uma resposta por escrito da parte do MEC acerca de todas as questões que foram elencadas – como nos foi prometido na reunião – para levá-la às nossas bases e decidir, em nossos fóruns, de qual forma procederemos na consecução de tais lutas.